***

Teste Teste Teste

PARCEIRO

Leia BUSK BÍBLIA

CURIOSIDADES SOBRE OS APÓSTOLOS 13


O Apóstolo Judas Iscariotes. 

Todos os Evangelhos colocam Judas Iscariotes no fim da lista dos discípulos de Jesus. Sem dúvida alguma isso reflete a má fama de Judas como traidor de Jesus.
A Palavra aramaica Iscariotes literalmente significa "homem de Queriote". Queriote era uma cidade próxima a Hebrom (Js 15.25). Contudo, João diz-nos que Judas era filho de Simão (Jo 6.71). Se Judas era, de fato, natural desta cidade, dentre os discípulos, ele era o único procedente da Judéia. Os habitantes da Judéia desprezavam o povo da Galiléia como rudes colonizadores de fronteira. Essa atitude pode ter alienado Judas Iscariotes dos demais discípulos.

 FALE CONOSCO

Os pais de Judas eram saduceus e, quando o filho deles juntou-se aos discípulos de João, eles o repudiaram. Ele tinha trinta anos e não era casado quando se juntou aos apóstolos. Ele era provavelmente o mais instruído entre os doze e o único judeu na família apostólica do Mestre.


Os Evangelhos não nos dizem exatamente quando Jesus chamou Judas pra juntar-se ao grupo de seus seguidores. Talvez tenha sido nos primeiros dias, quando Jesus chamou tantos outros (Mt 4.18-22). 


Judas funcionava como tesoureiro dos discípulos; foi André quem nomeou Judas como tesoureiro dos doze, uma posição para a qual ele estava eminentemente qualificado e por algum tempo, ele desincumbiu- se das responsabilidades do seu posto, honesta, fiel e muito eficientemente, porém, pelo menos em uma ocasião ele manifestou uma atitude sovina para com o trabalho. Foi quando uma mulher por nome Maria derramou ungüento precioso sobre os pés de Jesus. Judas reclamou: "Por que não se vendeu este perfume por trezentos denários, e não se deu aos pobres?" (Jo 12.5). No versículo seguinte João comenta que Judas disse isto "não porque tivesse cuidado dos pobres; mas porque era ladrão."


Enquanto os discípulos participavam de sua última refeição com Jesus, o Senhor revelou saber que estava prestes a ser traído e indicou Judas como o criminoso. Disse ele a Judas: "O que pretendes fazer,  faze-o depressa" (Jo 13.27). Todavia, os demais discípulos não suspeitavam do que Judas estava prestes a fazer. João relata que "como Judas era quem trazia a bolsa, pensaram alguns que Jesus lhe dissera: Compra o que precisamos para a festa da Páscoa..." (Jo 13.28-29).


Muito se tem questionado sobre as razões para Judas ter traído e entregado Jesus. A resposta mais plausível, já que não se tem certeza absoluta dos motivos que levaram Judas a agir dessa forma, é que, assim como alguns dos seguidores de Jesus, ele tinha a esperança que Jesus liderasse uma rebelião de cunho político contra Roma (Jo 6: 15) e, como Judas ocupava o cargo de tesoureiro do Senhor, acabou criando a expectativa de que Jesus pudesse se livrar milagrosamente de ser capturado, ou o povo o livraria numa rebelião para libertá-lo e Cristo o faria ocupar um cargo de importância no governo que se instalaria, isto é, ele teria criado uma ilusão de que Jesus contava com ele para esta presumida rebelião. Essa hipótese é sustentada pelo fato de Judas ter devolvido as 30 moedas de prata após ter certeza da condenação de Jesus; pelo próprio ato do suicídio e por algumas passagens em que o povo procurava ocasião de levar Jesus ao poder no lugar do imperador romano Cesar. (Jo 6: 15). Satanás teria cegado Judas tentando-o, não pelas trinta moedas de prata apenas, mas também pela ambição de poder politico terreno que este alimentava.


 As duas versões aparentemente contraditórias da morte de Judas Iscariotes:



Judas traiu o Senhor Jesus, influenciado ou inspirado pelo maligno ( Lc 22.3; Jo 13.27). Tocado pelo remorso, Judas procurou devolver o dinheiro aos captores de Jesus e martirizado pela sua ação nefasta, suicidou-se. (Mt 27.5). Mateus 27:5 diz que Judas se enforcou, enquanto Atos 1:18 diz que, “jogando-se de cabeça para baixo, rebentou ruidosamente pelo meio e se derramaram todos os seus intestinos”. Ao passo que Mateus parece tratar do modo da tentativa de suicídio, Atos descreve o resultado. Pelo visto, Judas atou uma corda ao galho duma árvore, pôs o nó corrediço em volta do pescoço e tentou enforcar-se por pular dum penhasco. Parece que a corda ou o galho da árvore se rompeu, de modo que ele despencou e se rebentou nas rochas embaixo. A topografia em volta de Jerusalém torna esta conclusão razoável.


                                                    Por: Assembléia Teológica Busk Bíblia

Fontes:  Biblical Archaeology Society ; Free E-books ; Bíblia Almeida Fiel e Corrigida ; Arqueologia Bíblica Criacionisco.Com.br




SOBRE O APÓSTOLO MATIAS
SOBRE O APÓSTOLO MATIAS

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

***

*******

 Ultimato Estudos Bíblicos Aprofundados.

CURTIR

Total de visualizações

FILME: O FILHO DE DEUS. COMPLETO E EM BR

  Filme "O Filho de Deus". Completo e dublado.

GRAÇA OU CARIDADE: QUAL A SUA ESCOLHA?

 O AMOR DO APÓSTOLO JOÃO NA ILHA DE PATMOS.

COMO SERÁ A NOVA TERRA NA ETERNIDADE?

 A BÍBLIA DIZ COMO SERÁ A NOVA TERRA NA ETERNIDADE?

PASSEIO VIRTUAL POR JERUSALÉM.

 PASSEIO VIRTUAL POR JERUSALÉM.

AS 2 FORMAS DE MILÊNIO: VC CRÊ EM QUAL?

 AS DUAS FORMAS DE MILÊNIO: EM QUAL VOCÊ ACREDITA?

ASSEMBLEIA DE DEUS ENSINA SOBRE O CÉU

 O QUE AS ASSEMBLEIA DE DEUS ENSINAM SOBRE OS CÉUS R O PARAÍSO?

DENÚNCIAS CONTRA IGREJAS? POR QUÊ?

 POE QUE PASTORES DE RENOME ESTÃO DENUNCIANDO OUTRA IGREJAS?

REAL: A MENINA QUE VISITOU O PARAÍSO

 A INCRÍVEL HISTÓRIA DE ANNABEL, A MENINA QUE VISITOU O PARAÍSO DE DEUS.

A HISTÓRIA DE SATANÁS E OS ANJOS CAÍDOS

 SATANÁS E SEUS ANJOS CAÍDOS AINDA TÊM ACESSO AOS CÉUS DE DEUS?

A TUMBA DO JARDIM EM JERUSALÉM..

 O IMPRESSIONANTE JARDIM DA TUMBA EM JERUSALÉM.

FILME: O APOCALIPSE DE JOÃO.

 FILME: O APOCALIPSE DE JOÃO.

O RIO DA VIDA EXISTIRÁ NA NOVA TERRA?

 O RIO DA VIDA EXISTIRÁ MESMO NA NOVA TERRA? O QUE DIZ A BÍBLIA: SÍMBOLO OU FATO?

Popular Posts

*******




*